Prefeitura de Salvador intensifica ações de combate à leptospirose

SAÚDE

A Prefeitura de Salvador, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), está intensificando suas ações de inspeção e controle de infestação de roedores em cinco distritos sanitários da cidade. Bairros como Subúrbio Ferroviário, Pau da Lima, Cabula-Beiru, São Caetano-Valéria e Itapagipe foram alvo das medidas preventivas devido ao histórico de casos confirmados para leptospirose. Coordenada pelo Setor de Vigilância e Controle das Zoonoses transmitidas por animais Sinantrópicos (Sevas), a ação visa reduzir os riscos de transmissão da doença para os munícipes.

“Nestes locais fazemos a inspeção e desratização, quando necessário, para reduzir a infestação de roedores e consequentemente diminuir os riscos de transmissão da zoonose para os munícipes. Além disso, realizamos inspeções e intervenções químicas em praças, orla marítima, entorno de córregos e canais e antes do período chuvoso, trabalhamos nas ruas que têm histórico de alagamento”, explicou a chefe do Sevas, Cris Yuki.

Os moradores podem solicitar orientação ou ação direta contra infestações desses animais através do Fala Salvador 156. “Além do trabalho de combate aos ratos, o Sevas atua no controle da esquistossomose, além da prevenção e controle de zoonoses transmitidas por pombos e achatina fulica (caramujo africano)”, completou Cris Yuki.

As ações visam não só reduzir a infestação de roedores, mas também conscientizar os cidadãos sobre os riscos da leptospirose. Durante as atividades, os agentes de endemias orientam os moradores sobre como evitar a presença de roedores e como se prevenir contra a doença, especialmente em períodos de chuvas intensas.

Para os moradores, como Maria das Graças Oliveira, de 58 anos, essas ações chegam em momento oportuno. “É uma ajuda muito valiosa, ainda mais levando em consideração que a cidade está enfrentando um período de chuvas intensas, que acabam atraindo cada vez mais ratos para casas e para a rua”, disse. A conscientização e o combate efetivo são fundamentais para garantir a saúde pública e o bem-estar da população.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *