Segunda etapa da requalificação da Feira de São Joaquim é autorizada pelo governo do Estado

POLÍTICA

Na manhã desta quarta-feira (17), o governador Jerônimo Rodrigues deu início à segunda etapa das obras de requalificação da emblemática Feira de São Joaquim, localizada na Cidade Baixa, em Salvador. Em uma cerimônia marcada por otimismo e compromisso com a comunidade local, Rodrigues autorizou a continuação dos trabalhos que visam transformar e modernizar esse importante mercado popular.

A requalificação, sob a responsabilidade da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder) em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e a Secretaria de Turismo do Estado (Setur), contempla diversas melhorias. Entre elas, destaca-se a construção de um galpão dedicado a carnes e vísceras, 16 blocos comerciais diversos, estacionamento e uma via perimetral com calçadão, margeando a Baía de Todos-os-Santos.

Com um prazo estimado de 20 meses para conclusão, a segunda etapa promete revitalizar cerca de nove mil metros quadrados de área, beneficiando não apenas os feirantes, mas toda a comunidade que frequenta esse espaço histórico da cidade.

Para o governador Jerônimo Rodrigues, a Feira de São Joaquim representa muito mais do que um ponto de comércio: é parte essencial da identidade e cultura da Bahia. “Vamos acompanhar o passo a passo dessa obra. Quero garantir nosso esforço e agradecer a cada feirante, carregador, e vendedor que fazem dessa feira um lugar especial”, enfatizou Rodrigues durante a cerimônia.

A primeira etapa das melhorias já trouxe avanços significativos, incluindo a padronização das instalações físicas e a modernização das áreas de carga e descarga. A Feira de São Joaquim, com sua história que remonta à década de 30, está se preparando para o futuro, mantendo sua tradição viva enquanto se adapta às necessidades do presente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *